quarta-feira, 29 de junho de 2011

Sonhando acordada...

Às vezes imagino-me num mundo sem maldade, sem crueldade. Em que ajudamos os outros, em que ajudamos os animais, em que respeitamos toda a natureza... Não julgamos nem apontamos dedos... Em que não somos cruéis "Ah e tal o outro morreu ou lá perto, bem feita levasse cinto!" (sim, isto ainda anda cá a moer, não entendo isto... Vamos começar a dizer então: "Ah não sei quê morreu de cancro no pulmão? Bem feita, não fumasse" ou ainda "ah teve um ataque cardíaco? Não fosse um pote de banhas preguiçoso ou não andasse sempre stressado" "Ah morreu porque levou com um camião em cima? Não fosse pa estrada... " Tipo... Não atinjo.) Continuando... Imagino muitas vezes eu a cuidar de um fedelho, num campo verde de flores brancas (malmequeres de preferência) a respirar ar puro, a ensiná-lo estes principios, a ensiná-lo a ser bom, verdadeiramente bom e a ser feliz com isso, a ensiná-lo a ensinar isso aos amiguinhos e também a não baixar a cabeça, não se deixando intimidar... Sonho em viver assim longe da crueldade das pessoas e dos seus dedos imundos a apontar para todo o lado... Mas... Não passa de um sonho...

5 comentários:

Miss Apuros disse...

Tb me faz muita confusao tds os comentarios frios q ouvi nestes ultimos dias. N sei cm sao capazes. bjinhos

Kitty * disse...

É a merd* de país que temos -.-

Green disse...

No mundo em que vivemos, para que eles possam sobreviver, não lhes podemos ensinar apenas a ser bons. Infelizmente.

Girl in the Clouds disse...

Infelizmente vivemos num mundo, que está muito longe dos sonhos!!

Cláudio disse...

Acho que devemos continuar a sonhar...era bom que fosse verdade e o mundo fosse mesmo assim...

Pesquisar neste blogue